De olho no mercado – 11 de fevereiro de 2020

De Olho no Mercado

Mercado Mundial – O número de mortos pelo Coronavírus atingiu 1.016, um aumento de 12% em relação à segunda-feira. No entanto, o número de novos casos confirmados caiu 19% na segunda-feira para menos de 2.500.

Além disso, o número de recuperações confirmadas é quatro vezes maior do que a contagem de mortes. Acreditando na confiabilidade dos dados chineses – que foram seriamente questionados pela mídia local nos últimos dias – o surto parece estar perdendo força.

O Ministério dos Transportes da China declarou que espera que 160 milhões de pessoas voltem ao trabalho na próxima semana, enquanto os relatórios sugerem que a necessidade de empregadores e governos locais inspecionem os trabalhadores que retornam de suas províncias originárias, o que criará atrasos no retorno da produção e do consumo aos níveis de antes do pré-surto.

Mercado Brasileiro – O dólar ampliava a queda contra o real na manhã desta terça-feira, com os agentes do mercado aproveitando o maior apetite por risco no exterior em meio a sinais de impacto reduzido do Coronavírus sobre a economia da China. Às 10:11, o dólar recuava 0,22%, a 4,3113 reais na venda, enquanto o dólar futuro operava em queda de 0,37%, a 4,313 reais, acompanhando o desempenho da moeda norte-americana no exterior em meio à melhora do sentimento.

A redução sucessiva da Selic diminuiu o diferencial de juros entre Brasil e outros pares emergentes, o que pode afetar a atratividade da moeda como ativo para investidores estrangeiros. Alguns analistas apontam esse fator como um dos motivos para a valorização recente do dólar a patamares recordes entre 4,20 e 4,30 reais.

Nesta terça-feira, o Banco Central ofertará até 13 mil contratos de swap cambial, com vencimento em agosto, outubro e dezembro de 2020, para rolagem de contratos já existentes.

Marketing Frente Corretora

Marketing Frente Corretora

Fique por dentro de todo
conteúdo e Descontos

Outros assunto relacionados

Pagamentos Internacionais para Empresas: Existem Alternativas ao Swift?
Em um mundo cada vez mais globalizado, as transações financeiras internacionais se tornaram uma rotina...
Como a Gestão de Câmbio Influencia os Negócios Internacionais: Uma Perspectiva da Frente Corretora
A gestão de câmbio desempenha um papel crucial no sucesso dos negócios internacionais. Com mercados cada...
Como Potencializar Seus Negócios Internacionais?
Expandir os negócios para o mercado internacional é uma meta ambiciosa para muitas empresas. No entanto,...