+55 11 4200-0850

Mercado mundial

 

Ações europeias recuam com incerteza sobre vacina da Covid-19

 

As ações europeias recuavam de máximas em cinco semanas nesta terça-feira, com a decisão da Johnson & Johnson de interromper seus testes clínicos com a Covid-19 levantando dúvidas sobre o cronograma de uma vacina, enquanto a Airbus caía depois que o JPMorgan rebaixou seu rating para a ação.

 

Um mês depois que a AstraZeneca suspendeu os testes em estágio final de sua vacina candidata, a Johnson & Johnson disse que havia interrompido temporariamente seus testes devido a uma doença inexplicada em um participante do estudo. Leia mais

 

 

Ásia: Bolsas fecham mistas, apesar de bom desempenho da balança comercial chinesa

 

As bolsas asiáticas fecharam sem direção única nesta terça-feira, 13, embora a balança comercial chinesa tenha mostrado desempenho melhor do que o esperado no mês passado. Na China continental, o índice Xangai Composto teve alta marginal de 0,04% hoje, a 3.359,75 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 0,65%, a 2.304,19 pontos.

 

Dados oficiais publicados durante a madrugada mostraram que as exportações chinesas tiveram expansão anual de 9,9% em setembro, superando expectativas de acréscimo de 9,6%. No mesmo período, as importações da segunda maior economia mundial deram um salto de 13,2%, bem maior do que o modesto incremento de 0,54% previsto por analistas. Os últimos resultados confirmam que a China continua se recuperando do violento impacto que sofreu com a pandemia do novo coronavírus no começo do ano. Leia mais

 

 

OCDE planeja lançar estrutura para declaração de impostos de criptomoedas em 2021

 

A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), organização intergovernamental que promove melhores políticas econômicas, planeja lançar uma estrutura para a declaração de impostos para criptoativos até 2021.

 

Em um relatório publicado nessa segunda-feira (12), a OCDE disse que está “progredindo em sua tarefa de desenvolver uma estrutura de declaração de impostos que irá garantir a transparência fiscal em relação a criptoativos, incluindo a renda derivada da venda de tais ativos”. Leia mais

 

 

Mercado Interno

 

 

ABERTURA: Após feriado da véspera, Ibovespa futuro começa a terça com ganhos

 

O índice futuro do Ibovespa inicia a semana com valorização de 0,72% aos 98.238 pontos às 09h21, absorvendo parte da alta de 1,24% na véspera do EWZ, ETF que replica o Ibovespa na bolsa de Nova York. A alta se descola do exterior, que opera em baixa na maioria das praças após suspensão na fase 3 de testes de vacina contra Covid-19 da Johnson & Johnson. O dólar reflete essa incerteza, com alta 0,15% a R$ 5,5400.

 

O mercado deve ficar atento à chegada dos balanços trimestrais das maiores companhias americanas, que impulsionou os três principais índices acionários dos Estados Unidos na véspera, mas hoje o sentimento é de moderada cautela com os dados. A percepção geral é de que a maior parte das empresas do setor real e os bancos devem mostrar números bem mais satisfatórios no período julho-setembro do que no segundo trimestre. Leia mais

 

 

FOCUS: Mercado eleva projeção do dólar e IPCA para 2020 e 2021

 

Nesta terça-feira (13), o Banco Central divulgou mais uma edição do Boletim Focus com os analistas de mercado, que traz, pela nona semana consecutiva a elevação da projeção da inflação, com um importante avanço no fim deste ano e aumento das estimativas do dólar em 2020 e 2021. Além disso, os prognósticos pioraram levemente a queda da atividade econômica este ano.

 

PIB

 

Quebrando uma sequência de quatro semanas, a projeção do PIB brasileiro voltou a recuar, se mantendo sob uma queda intensa. A estimativa agora é uma retração de 5,03% do PIB em 2020, contra 5,02% da semana passada. Há quatro semanas, a projeção estava em -5,11%. Para 2021, a estimativa segue de crescimento em 3,50% e se manteve em 2,50% para 2022 e 2023. Leia mais

 

Dólar avança contra real com preocupações sobre vacina e de olho em fiscal

O dólar era negociado entre estabilidade e alta contra o real no início desta terça-feira, em volta de feriado marcada pela cautela global depois que um importante estudo de uma vacina para a Covid-19 foi interrompido, enquanto os investidores continuavam de olho na saúde fiscal doméstica.

 

Às 9:08, o dólar avançava 0,28%, a 5,5424 reais na venda. Leia mais

 

Entre em nosso canal de informação no Telegram

 

pt_BR
en_US pt_BR